CAMINHO DE SANTIAGO EM SETEMBRO! – DIA UM

PRIMEIRO DIA – SAINT JEAN PIED DE PORT – RONCESVALLES – BURGUETE – ESPIÑAL / 40KMS E OS PIRENEUS
Clique aqui para a postagem do dia zero

Acordamos às 6:30 sabendo que o dia seria duro. Quanto ao café da manhã, acho que foi um dos melhores que posso me lembrar, geléias diferentes e o pão (que será famoso durante a viagem toda), estava numa exceção excelente e crocante.

Encaixes e acertos nas bikes, todos de camiseta Bicigrino, uma referência no caminho e começamos a epopéia, numa sala logo em frente a pousada, era o comitê de boas-vindas, 5 pessoas trabalhavam ali para receber os peregrinos e os guiar nesta primeira etapa, os PIRENEUS.

Esta cadeia de montanhas é enorme e cruza toda a região, desde da França até a Espanha, terminando na estrada a qual chegamos no dia anterior.

A sensação de pedalar onde passou Napoleão e suas tropas foi marcante nessa primeira pedalada. Um início pesado, com o primeiro giro como um camelo (de alforges) e estávamos lá subindo com forte neblina, mas uma certeza, eram os Pirineus.

Até certo ponto a pedalada era constante devido ao piso, porém aos seus 25/28 kms entramos numa subida totalmente empurrável, com um péssimo piso que nos levou a um dos melhores visuais.

Confesso que uma câimbra me fez sofrer, primeiro numa perna, depois na outra, uma conjunção de fatores ontribuiram: o stress da preparação, a noite anterior mal dormida, a ansiedade, às 10 horas de vôo sem a devida hidratação e alongamentos, me arrastei pelo final da subida e já no dia seguinte, não senti mais nada.
Devido aos Pireneus, pedalamos só 40kms neste dia.

Após subir e descer a malvada montanha chegou a pequena cidade de Roncesvalles, local onde é politicamente decretado o início do caminho nos livros e literaturas.

Decidimos seguir os albergues BIKELINE, uma opção especial para os ciclistas que muito foram discriminados anos e anos. O BIKELINE é organizado pelo Acácio, um hospitaleiro do caminho, (nos encontraremos com ele em setembro) foram preparados albergues durante o percurso para receber os BICIGRINOS, uma opção inteligente e na mesma linha dos albergues propostos pelo caminho do peregrino. Parabéns ao amigo e obrigado a quem se dedica a manter um caminho para os ciclistas.

Com os Pireneus vencido, tivemos até piscina em nosso segundo albergue, percebemos o clima e a ambientação do que seria nosso habitat adiante dali.
Enquanto isso rolavam as semifinais da copa do mundo!
Uma curiosidade, a luz do dia terminou depois das 22hs lá no verão europeu. Estávamos em plena atividade e já são 11hs!! Nóssa vamos dormir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>